Oi, eu sou o LoneWolf!

Estamos na metade do ano de 2020 e de lá pra cá, muita coisa mudou, inclusive na indústria do anime e mangá!
Teve uma época em que personagens taradões eram legais e engraçados, mas hoje em dia, essa figura de personagens taradões ainda são vistos como personagens engraçados?
Vou colocar alguns aqui na lista e tentar falar um pouco sobre cada um…

Divulgação/Internet

Mestre Kame não iniciou essa onda de personagens taradões, mas sei que é o mais conhecido mundialmente, afinal, Dragon Ball é a franquia mais conhecida e lucrativa no mundo todo.
A taradisse dele já o ajudou até os amigos a ganharem batalhas importantes, como o caso da luta do Yamcha x Homem Invisível, no meio do Dragon Ball. Já em Dragon Ball Super, chegou até a fazer um treinamento para deixar de ser tarado.

Divulgação/Internet

Jiraiya já começa se auto-proclamando Ero-Sennin em Naruto além de ser escritor de livros para adultos chamados Icha Icha, no qual relata experiências do autor (Jiraiya) no amor. Preciso dizer mais nesse caso?

Divulgação/Internet

Em One Piece então, temos uma dupla: Brook e Sanji!
Brook no primeiro capítulo que aparece, pede pra Nami mostrar a calcinha. Só nisso você já vê que ser tarado é usado mais uma vez como “alívio cômico”.
Já Sanji em Thriller Bark admitiu que seu sonho era ter o poder de ser invisível para espiar/ir no banheiro feminino sem ser visto, tanto que por coincidência ou não, ele também passa por um treinamento para deixar de ser tarado no Reino de Kamabakka, uma ilha com travestis (???)!

Divulgação/Internet

Kon, a alma modificada de Bleach.
Sempre ajudando Ichigo e sua turma quando ele precisa caçar hollow, mas também sempre se aproveitando e abusando das meninas, principalmente da Orihime, no qual sempre se esfrega nos seios dela!

Divulgação/Internet

Mineta, o recente representante dessa safra de “heróis cômicos” nos animes e mangás!
Vou deixar a descrição dele pelo grupo Otanix Amino:
“Mineta, por incrível que pareça, é dono de uma das personalidades mais marcantes do anime, sendo o principal alívio cômico da obra, incluindo outros personagens, é claro. O nosso “pestinha” é pervertido de uma forma totalmente inovadora, pois ele não apenas tenta se aproximar das meninas, mas sim trabalha em planos, teorias e estratégias envolvendo elas para satisfazer suas perversidades. Quando é visto conversando com seus amigos, Mineta esboça sorrisos ardilosos e “fofos” que, por mais inocente pareça, já denunciam as intenções maliciosas. Outra característica do nosso mini-herói é o seu jeito medroso super engraçado, isso dificulta muito algumas de suas ações como estudante, entretanto, toda essa “covardice” o auxilia em tomadas de decisões cautelosas e inteligentes. O quesito final de sua incrível personalidade é o estilo aproveitador do “pestinha”, ele consegue juntar várias coisas e sair das mais difíceis situações, burlando e surpreendendo inimigos e colegas, tudo isso com muito medo, é claro.”
Preciso dizer mais alguma coisa sobre o Mineta?

Divulgação/Internet

Agora que volto ao começo da coluna e falo que ser tarado em animes e mangás não é errado e sim engraçado! Não me admira que vários países tenham censurado diversas obras, como recentemente ocorreu com No Game No Life (não vou colocar o caso aqui, mas envolve menores!) e outras obras. Temos que parar com essa coisa de “tarado é engraçado” ou “isso é só anime/mangá” ou “ele pode ser tarado em cima dela, pois é a reencarnação da esposa dele de 3000 anos atrás”.
Pessoal, acorda!!!!! Ser tarado é errado em qualquer lugar no mundo e não adianta falar que quem é consciente não deixa isso sair do papel ou não é influenciado ou outras desculpas, isso não verdade! Só vocês verem o Nobuhiro Watsuki (autor de Samurai X) que foi pego com pornografia infantil em seu computador e Mitsutoshi Shimabukuro (autor de Toriko) que foi pego com uma menor de 16 anos pagando por sexo, são autores consagrados no Japão no qual pagaram a fiança e está ai, livre, leve, solto e publicando normalmente.
É exatamente esse tipo de coisa que devemos cobrar de nossos autores favoritos, afinal, fora do Japão, o pessoal por mais que gosta e acompanha, sempre reclama, um grande caso são os fãs de Nanatsu no Taizai/The Seven Deadly Sins que tem ciência e reclama, mesmo com o mangá finalizado!
Bem, não sei se consegui colocar a ideia de maneira certa ou como queria, mas a ideia está aí, ser tarado não é engraçado!

Aqui é LoneWolf e afirma: Tem que acabar com os personagens tarados!

OBSERVAÇÃO: A matéria acima estava finalizada dia 31/07/20 e agendada para o dia 16/08/20, por isso decidi deixar ela na integra e postar essa triste “atualização” embaixo, assim vocês podem ler o texto original também!

Acabamos de ficar sabendo que o autor do mangá Act-Age, Tatsuya Matsuki acaba de ser preso por pedofilia, tendo seu mangá praticamente cancelado (até o fim dessa coluna, não tinham confirmado o cancelamento, mas o volume 13 que sairia em outubro, já saiu da lista de vendas), prejudicando também a desenhista Shiro Usazaki que em nada tem haver com o acontecimento, sendo totalmente inocente.

Para quem não conhece o mangá, ele foi serializado a partir de uma iniciativa da editora Shueisha chamada Jump Start e começou a ser lançado em dezembro de 2018.

A história gira em torno da Kei Yonagi, uma garota do ensino médio que se esforça para se tornar atriz. Ela mora com seus dois irmãos mais novos, depois que o pai deles os deixou e a mãe morreu. Kei tem um talento extremo para o método de atuação, a ponto de perder a noção da realidade enquanto atua. Em uma audição, alguns especulam que agir dessa intensidade pode ser autodestrutivo e citam isso como uma razão para não aceitá-la. No entanto, Kei chama a atenção da aclamada diretora Sumiji Kuroyama, que avança com a intenção de trazer todo o seu potencial.

 

Capa do volume 1

Segundo o twitter do Animystic (@AnimystiCast) a revista Shonen Jump, onde era publicado o mangá (assim como Toriko e Samurai X citados acima) emitiu uma nota no twitter:
“Houve um relatório sobre Tatsuya Matsuki, autor de act-age, serializado na Weekly Shonen Jump, que o departamento editorial levará a sério. Depois de confirmar os eventos, lidaremos com o assunto de forma apropriada.
“Nós sinceramente pedimos desculpas por toda a inconveniência e preocupações causadas aos nossos leitores” — 08 de agosto de 2020, departamento editorial da Weekly Shonen Jump”

Como escritor dessa coluna, fico triste, sei que não exemplo de moral e bons costumes, que erro também, mas não a esse ponto.
Pedofilia é errado! É tão difícil entender isso?

64 thoughts on “Coluna do LoneWolf 08 – Taradões!

  1. “The very next time I read a blog, Hopefully it doesn’t disappoint me as much as this particular one. After all, I know it was my choice to read through, nonetheless I truly thought you’d have something useful to talk about. All I hear is a bunch of whining about something that you can fix if you weren’t too busy searching for attention.”
    דירות דיסקרטיות בחולון

  2. Learn several foreign languages

    It’s nice to come to Italy and say “Buongiorno!” passing waiter. And then catch the admiring glances of those with whom you came. Is not it? But it has long been known that learning foreign languages contributes to the development of a good memory. It’s also very interesting! So why not take advantage of this?

    These are effective methods for training memory. But there is also something interesting. Memory is inextricably linked to proper and good brain function. This means that stimulating its work allows you to improve memory:

    It has been proven that regular sports activities increase brain activity and improve memory;
    No to gray days! It is well remembered that that does not fit into the framework of everyday life. Try to change the environment, add bright colors, go to the store on a new path … It is not necessary to radically change your life. Just add something new to your daily routine, and your brain will work with renewed vigor;
    Add new habits. For example, tidying up your desk in the morning is a great start to a productive day!
    Meditation, relaxation make the brain switch, relax. This means that he will perform new tasks with renewed vigor;
    Music has a magical effect on our brain. It has been proven that people who practice music have better memory and analytical skills;
    Teamwork. Brainstorms have proven their effectiveness more than once. And now scientists have proven that the decisions made in the team were more accurate and faster. They attribute this to the fact that information is easier to perceive and assimilate during communication. Therefore, solve problems together!
    The brain assimilates and sorts information while we sleep. So don’t ignore this process.
    Conclusion

    This is just a small part of the effective techniques for developing memory. But simple reading will not work. Apply these techniques. Remember, only 50% of the result depends on the doctor, and the remaining 50% on the patient. Without working on yourself, you will never reach the top.
    Figure 1. Sample structure of coursework
    The above structure can only serve as a guide. When giving the assignment to write a term paper, the teacher usually shows a sample of drawing up a plan, explains which sections should be contained in it.
    How to write the introduction of a term paper correctly

    The introduction is what is always read. If the main part of the commission (and even the leader, if he is not very conscientious) can skim through, then the first pages of the text will certainly receive close attention. As the title implies, this section serves to introduce readers to the course of the matter, to briefly describe the research. The introduction consists of typical parts:
    Relevance of the topic. You need to explain why you chose this particular topic, why it should be considered. The arguments presented depend significantly on the direction of the research – it can be either the novelty of the topic (“in connection with active changes in this area”), or its controversial nature (when one large scientific school expresses one opinion, and another – another), or practical significance. For historical topics, it is necessary to establish a connection with the present, to trace what the events of the past are affecting now, to draw parallels.
    Objective. A goal is what you want to achieve as a result of your research. For undergraduate coursework, the goal may be to “learn” something, or “systematize knowledge” about something. In senior years, the work is more practical in nature, and the goals change – “to formulate recommendations for improvement”, “to develop a project”, “to identify ways to improve efficiency.”
    Work tasks are a kind of “steps” to achieve the goal. If the goal of the work is one, then there are several tasks. Their number should correspond to the number of paragraphs in the work plan. Each item in the table of contents is a separate task.
    Dated using verbs – “analyze”, “consider”, “characterize”, “describe”, “classify”, “reveal” and others.

    art essay writing service writing papers in the biological sciences site:steemit.com essay writing service

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ideia Errada #38: Viagem no tempo

7 de agosto de 2020