Oi, eu sou o LoneWolf!

Hoje vocês vão ler algo diferente (eu acho!) e muito, muito antigo, a mais de 9 anos atrás, quando eu queria escrever para sites, blogs e afins. Inclusive com influências de alguns sites mais “escrachados” da época.
Esse foi um texto que escrevi pro site Uaréva em parceria com o Vini Visentini e agora ressuscito com as devidas adaptações!
As intervenções em  (Azul) são de autoria do Vini!

Arte de Ed McGuinness

Sim, sim, nerds!

A notícia é velha, mas como esse é o Uarévaa, nada como falar sobre algo antigo como se fosse novo! E pra nos ajudar nessa missão dificílima, chamamos nosso leitor mais chato chegado, o LoneWolf, para trazer uma análise sobre a nova animação dos Thundercats!
Então, empunhem suas espadas justiceiras e mirem no olho de Thundera que vai começar a cagação de regra!
Hooooooo!
Cosplayers dos anos 2000.

Thunder, Thunder, THUNDER, THUNDERCATS HOOOOOOO!!! Esse é o grito que virou marca registrada do Lion (ou Lion-O? Não dublaram assim aqui no Brasil, então não vou dizer também) e foi ouvido milhões de vezes por nós (e quem aqui nunca gritou?) e pelos seus companheiros Thunderianos, que não teve jeito, então… (teve sim, não teve?) Trago aqui pro Uarévaa (sim, antes o site do Uaréva tinha 2 “a”) em parceria com o Vini (ieu?) a volta oficial dos Thundercats à animação.

 

Créditos ao autor.

 

Criado por Ted Wolf, os Thundercats foram o maior fenômeno por onde passaram na década de oitenta, tanto que após o término, a Rankin/Bass (onde foi desenvolvida a animação) tentou criar outra franquia, os SilverHawks, mas com o perdão do trocadilho, não voaram tão longe quanto os felinos.
Com 130 episódios, os Gatos do Trovão lutaram com vários inimigos, sendo que o maior entre eles é sem dúvida o “de vida eterna” Mumm-RáTendo como base na história a condenação de seu planeta natal, Thundera, que prestes a explodir, teve um contingente bem grande de naves se retirando, os habitantes que conseguiram escapar foram lançados à esmo no sistema solar esperando que, um dia, pudessem  encontrar um novo planeta pra povoar e assim continuar com a linhagem e a sobrevivência de sua espécie.Só que a nave principal, onde estavam os Thundercats (que era o grupo de Elite do planeta Thundera), sofre uma pane nos sistemas e graças ao seu líder, Jaga, os escolhidos junto ao novo rei Lionainda um adolescente, aterrizam desastrosamente no terceiro mundo (Provavelmente no Chile, rs)Jaga morre no processo e à partir de então, os Thundercats, agora com um Lion bem mais velho, lutam pra sobreviver e fazer desse novo planeta seu novo lar.
Mas a novidade vem agora:
No meio de 2010, a Warner anunciou que ia fazer uma recauchutagem nesses personagens e que a nova animação chegaria em 2011 pelo Cartoon Network Americana dos Estados Unidos (Sério que você escreveu isso de propósito, LoneWolf?). Só que até a semana passada, não tínhamos muito a respeito, só sabíamos que os produtores iam manter a animação a mais fiel possível ao original e até teriam uns tons meio sombrios… isso até agora.
Essa imagem caiu na rede, se não me engano, sábado (Foi na quarta, mas não sei o dia):
Foto Fotografada (???) Divulgação Internet.
Essa foto foi feita num evento na London Toy Fair e a Warner depois de saber do incidente, tratou de mandar uma imagem oficial:
Créditos na imagem.
Siiiiiiiiiimmmmm amigos! A nova formulação da Warner é a cara e o focinho de anime mangá (Já vou falar mais sobre isso lá embaixo) e olha o que mais revelaram:
“A história vai combinar novamente luta com espadas e a ciência e tudo será focado em Lion, o grande líder dos felinos. Haverá uma luta entre o bem e o mal em busca das Pedras do Poder (Stones of Power) enquanto os heróis aprendem lições de honra, lealdade e mortalidade em cada episódio.” Resumindo… é uma atualização pra nova cultura jovem, que hoje só tem em mente o anime e mangá, o que está se tornando irritante, pois tudo nessa área que é “repaginado” é justamente ao estilo mangá (Na verdade é anime. Mangá é para quadrinhos. Lembro que nos anos 90 a Marvel irritava muita gente por isso também).
Está certo que isso dá mais dinheiro que ser político no Brasil, mas… gente, aloooou!!!! (Juro que foi ele que escreveu isso!) Originalidade (o que é difícil esses dias) também conta, vamos parar de só copiar ideias batidas e pensar um pouco?
Pra fechar essa análise, pois passarei a bola (Opa! Vô fica doidão!) pro meu amigo Vini, achei que a imagem ficou bem bacana, atualizada, leve, até um pouco criativa, mas ainda não foram apresentados todos os personagens e ainda tem muito chão pela frente. Tenho em mente ainda a versão dos anos 80 (vide abaixo) e tenho um pouco de receio, mas… vamos ver o primeiro episódio para darmos uma opinião final, né?
Thundercats Originais. Divulgação Internet

Thunder, thunder… ah, tá. Esquece. Já foi usado mesmo…

Bem, o que dizer do novo desenho dos ThunderBoCats? O novo desenho trará de volta Lion e sua galerinha que aprontam de montão, o fuckin´niggaPanthro, a totosa Cheetara, o bocó afeminado Tygra e o vilão Elza SoaresMumm-Ra de volta à ação, numa versão moderna do já clássico desenho dos anos 80.
ThunderCats tem o lançamento previsto pra começo de 2011 e conta com o produtor executivo dos Jovens Titãs (Teen Titans), Hi Hi Puffy AmiYumi e Ben 10Sam Fecha o Register, além de Michael Jelenic e Ethan Spaulding na produção (os mesmos produtores de Batman: Bravos e Destemidos e da série animada Avatar) e será animado no Studio 4ºC.
E o que eu acho?
Provavelmente os fãs mais saudosos da série vão odiar, mas é bem provável que alguns ainda achem interessante a ideia e com certeza não vão perder a estreia do remake, marcado para este ano, ainda sem data definida. Pra dar um gostinho da coisa, a Warner Bros. Animation divulgou uma imagem oficial do que como serão os personagens no seriado. Na minha opinião, tem grandes chances de ser um desenho bobo, mas se levarmos em conta a competência dos produtores, pode ser que nós, que estamos acostumados com o desenho antigo, iremos acabar por engolir as criticas negativas antes do tempo.
Os personagens ganharam um visual mais próximo do anime, assim como a maioria dos desenhos, conforme já disse anteriormente meu companheiro de post, o leitor LoneWolf. Eu acho isso até normal, porque hoje existe uma cultura de se fazer tudo relacionado à mangá, manhwas coreanos e/ou manhuas chineses, o que dá origem ao anime nas produções animadas. É o que a molecada tá curtindo no momento, e se você desviar desse estilo, comercialmente é um tiro no pé. Aliás, vale lembrar que o estilo original dos desenhos dos ThunderCats também eram puxados para o anime, só que era um estilo de anime usado na época, diferente de hoje. Era mais no estilo Cowboy Bee-Bop.
Triplo, os Thundercats estão pelados agora.
Eles já declararam que a intenção deles é apelar aos espectadores das antigas, que amaram os personagens durante toda a vida, bem como os novatos da franquia, ou seja, essa molecada que hoje se amarra em Ben 10 e outros no mesmo estilo.
E vamos falar sério… aquele traço dos anos 80 era sofrível também, vá! Justamente quando eles acertaram e fizeram um traço melhorado (SilverHawks que acabou não dando certo e as últimas temporadas de ThunderCats onde Lynx-O, Bengali e Pumyra aparecem) o desenho já estava mal das pernas e terminou na quarta temporada.
Eu particularmente achei o traço do desenho novo bem legal. Achei que houve sim criatividade na concepção. Confiram comigo no replay:
Reparem na imagem que Lion está com aparência de mais novo, tipo de um cara de 18-19 anos, isso torna mais verossímil seu crescimento e amadurecimento durante a série, Tygra tá com uma aparência de adulto, porém mais jovem e o mais legal é que ele tá evocando ser mais um guerreiro do que um cientista, como era na série anterior; Panthro perdeu o estilão “fucking nigga” que eu curtia tanto e tá mais pra velho oriental modafocka! Sua aparência de guerreiro samurai difere bastante da roupa meio hi-tech de Tygra; A Cheetara aparenta também ser bem mais nova do que a anterior, o que pode fazer com que ela seja estopim para uma rivalidade entre Lion e Tygra. E o melhor de tudo? Nada de WillyKat, nem WillyKit e muito menos aquele gato safado e chato do caramba do Snarf!!!! Só aí já melhorou 50% o desenho!
Já em 2007, o traço do personagem pendia para o novo anime.
Aguardemos como será a fuça dos mutantes de Plun-Darr, personagens que eu também curtia pra caramba, principalmente o Simiano e o Escamoso! Siiiiiim?
Espero também que a “Toca dos Gatos” continue invocadona. (cara, na época acho que seria capaz de matar um pra ter a Toca de brinquedo).
Do mais, será aquilo, uma série que vai utilizar como base histórias que são um misto de ficção científica e fantasia e um bom e tradicional conto do bem contra o mal. Nada mais que isso!
Espero um dia ouvir o Lion gritar: Uarévaa – Hooooo!
Bem, espero que tenham gostado, na próxima postagem, tentarei trazer algo mais…atual, hehehe!
E você, já sentiu o cosmo?